Passageiros podem trafegar de ônibus entre as duas cidades utilizando apenas um cartão.

Separadas pelo rio São Francisco e apenas com uma ponte de acesso entre elas, as cidades de Juazeiro, na Bahia, e Petrolina, em Pernambuco, acabam de adotar o sistema de bilhetagem eletrônica integrado na sua rede de transporte público. Os ônibus que circulam entre as duas cidades estão operando com a tecnologia da Transdata Smart e os usuários podem transitar entre os locais com apenas um cartão, o BIP, para comprar créditos e pagar as tarifas.

As linhas totalizam 140 veículos e operavam com a bilhetagem eletrônica de forma autônoma; no entanto, surgiu a necessidade de modernizar e integrar a tecnologia para atender melhor os usuários.

A interoperabilidade do sistema implantado na região, disponibilizado pelas soluções da Transdata Smart em bilhetagem eletrônica (TDMax) e rede de vendas (RVSmart), viabilizou a conexão entre as operações das empresas Mobipetrolina e Joafra, sendo todo processo gerido pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf).

De acordo com a gestora do Setranvasf, Flavia Cavalcanti, o sistema interligado permite maior comodidade ao passageiro, que pode usar ônibus das duas cidades, com valores e regras de tarifa diferentes, a partir de um único cartão (BIP). “A interoperabilidade também oferece mais facilidade aos empregadores, já que muitos trabalhadores moram em Petrolina e trabalham em Juazeiro, ou vice-versa, e precisavam de vários cartões”, diz.

Flavia cita ainda outras vantagens do sistema de bilhetagem eletrônica: controle de fraudes possibilitado pelo uso da biometria facial e redução do dinheiro embarcado por meio de soluções de ampliação da rede de recargas. A Mobipetrolina e a Joafra operam simultaneamente os sistemas urbanos e o interestadual, totalizando 1,6 milhão passageiros transportados mensalmente.

Outro exemplo de eficiência do sistema de bilhetagem com interoperabilidade desenvolvido pela Transdata Smart pode ser observado na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Lá, a Metrocard, associação que congrega as empresas do transporte coletivo que atendem a RMC, utiliza apenas um cartão para pagar e comprar passagens em 18 empresas que operam o transporte coletivo da região. Mensalmente, as 227 linhas em operação atendem um contingente de aproximadamente 3 milhões de passageiros que utilizam o cartão Metrocard, entre pagantes e isentos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>